Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/180
Author: Ataíde, Denyse Mota da Silva
Advisor: Pinho, Maria José de
Title: Letramento digital e formação de professores: limites e potencialidades na perspectiva do plano nacional de formação de professores (PARFOR)
Keywords: Letramento;Letramento digital;Formação de professores;Tecnologias;PARFOR
Issue Date: 25-Jan-2013
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Citation: ATAÍDE, Denyse Mota da Silva. Letramento digital e formação de professores: limites e potencialidades na perspectiva do plano nacional de formação de professores (PARFOR). 2013. 172f. Dissertação (Mestrado em Letras: ensino de Língua e Literatura) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Letras: ensino de Língua e Literatura, Araguaína, 2013.
Resumo: Nessa dissertação apresentamos os resultados de uma pesquisa realizada na Universidade Federal do Tocantins (UFT) campus de Araguaína. O objetivo foi identificar, descrever e analisar as práticas de letramento digital, tendo como foco o Curso de Letras do Plano Nacional de Formação de Professores (PARFOR), alcançando professores formadores e em formação, avaliando suas interações na construção do conhecimento (formação continuada), mediados pelo computador e seus artefatos. O método escolhido para a realização de nossa pesquisa está circunscrito no âmbito da Fenomenologia, tendo como base teórica os estudos de Oliveira e Cunha (2007), que caracterizam o método fenomenológico como aquele que busca a compreensão do fenômeno questionado, não se preocupando com explicações e/ou generalizações, uma vez que o pesquisador não parte de um problema específico, mas conduz a pesquisa a partir de uma indagação acerca de um fenômeno, o qual precisa ser situado e vivenciado pelo sujeito. Quanto à forma de abordagem, nossa pesquisa se configura como quantiqualitativa e estudo de caso. É qualitativa uma vez que sua abordagem é eminentemente descritiva e seus procedimentos indutivos, considerando a existência de uma relação dinâmica entre mundo real e sujeito, conforme Ludke e André (1986); Alves-Mazzotti e Gewandsznajder (1999); Severino (2000); Duarte (2002); e Marconi e Lakatos (2006), sendo que o processo é o foco principal. É um estudo de caso, considerando os estudo Sturman (1988). As teorias que fundamentam nossa pesquisa abrangem: letramento; letramentos; cibercultura; leitura; escrita; formação de professores; NTCIs; prática docente e os diferentes contextos nos quais transitam todas essas ocorrências. Para as teorias de letramento utilizamos, em maior proporção os trabalhos de Kleiman (1995; 1998; 2006); Soares (1995; 1998; 2002; 2003), Heath (1983; 2004); Street (2003); Barton (1994). Sobre letramento digital, Buzatto (2003; 2007); Freitas (2010); Leffa (2005); Machado e Teruya (2009); Noveleto e Claus (2009); Acerca da formação de Professores , Pinho (2007); Rocha e Pinho (2011); Gastti (2000); Pimentel (2006. Os resultados apontam que mesmo diante dos percalços que enfrentam os professores da rede pública de ensino no Tocantins, eles se desdobram no sentido de realizarem uma formação continuada que permita melhorar seu desempenho docente, e o PARFOR se apresenta como possibilidade real. Nessa perspectiva, o fato de fazerem um curso semipresencial, colabora para que efetivem práticas de letramento digital, o que favorece a vida em sociedade. O estudo constatou que os estudantes do curso de letras do PARFOR da UFT de Araguaína enfrentam algumas dificuldades quando precisam lidar com as novas tecnologias, no caso aqui estudado, o computador e suas ferramentas digitais. Todavia, o letramento digital se dá, mesmo em detrimento das dificuldades, como é o caso do acesso ao ambiente virtual Moodle, quando precisam acessar os conteúdos que são postados pelos professores formadores on line.
Abstract: In this thesis we present the results of a survey conducted at the Federal University of Tocantins (UFT) Araguaína campus. The goal was to identify, describe and analyze the digital literacy practices, focusing on the Course of Literature of the National Teacher Training (PARFOR), reaching teachers and trainers in training, evaluating their interactions in the construction of knowledge (continuing education) , mediated by computer and its artifacts. The method chosen to conduct our research is limited to the field of phenomenology, based on theoretical studies of Oliveira and Cunha (2007), featuring the phenomenological method as one that seeks to understand the phenomenon questioned, not bothering with explanations and / or generalizations, since the researcher is not part of a specific problem, but conducts research from a question about a phenomenon which needs to be situated and experienced by the subject. How to approach our research is configured as quantiqualitative and case study. It is qualitative since his approach is essentially descriptive and its inductive procedures, considering the existence of a dynamic relationship between the real world and subject, as Ludke and Andrew (1986); Alves-Gewandsznajder and Mazzotti (1999); Severino (2000); Duarte (2002), and Marconi and Lakatos (2006), and the process is the main focus. It is a case study considering the study Sturman (1988). The theories that underlie our research include: literacy; literacies; cyberculture, reading, writing, teacher training NTCIs; teaching practice and the different contexts in which pass all these occurrences. To use the theories of literacy, a higher proportion of jobs Kleiman (1995, 1998, 2006), Soares (1995, 1998, 2002, 2003), Heath (1983, 2004), Street (2003), Barton (1994). About digital literacy, Buzatto (2003; 2007); Freitas (2010); Leffa (2005); Machado and Teruya (2009); Noveleto and Claus (2009); About Teacher training, Pine (2007); Rock and Pine ( 2011); Gastti (2000); Pimentel (2006. Results show that even before the troubles faced by teachers of public schools in Tocantins, they unfold in order to conduct a continuing education that will improve their teaching performance, and PARFOR presents itself as a real possibility. From this perspective, the fact of making a blended course, contributes to that enforce digital literacy practices, which favors life in society. study found that students of letters PARFOR of the UFT Araguaína face some difficulties when they have to deal with new technologies, in the case studied here, the computer and its digital tools. Nevertheless, computer literacy takes place, even at the expense of difficulties, such as access to virtual environment Moodle, when need to access the contents that are posted by professors online.
URI: http://hdl.handle.net/11612/180
Appears in Collections:Mestrado em Letras: Ensino de Língua e Literatura - PPGL

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Denyse Mora da Silva Ataíde - Dissertação.pdf5.08 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.