Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/693
Author: Vieira, Fábio Pessoa
Advisor: Souza, Lucas Barbosa e
Title: Envolvimento e educação ambiental com as quebradeiras de coco: um caminho sustentável na reserva extrativista do extremo norte do Tocantins
Keywords: Educação Ambiental;Fenomenologia;Decolonialidade;Reserva extrativista;Quebradeiras de coco;Environmental Education;Phenomenology;Decoloniality;Extractive reserve;Coconut breakers women
Issue Date: 14-Dec-2017
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente - Ciamb
Citation: VIEIRA, Fábio Pessoa. Envolvimento e educação ambiental com as quebradeiras de coco: um caminho sustentável na reserva extrativista do extremo norte do Tocantins. 2017. 198f. Tese (Doutorado em Ciências do Ambiente) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente, Palmas, 2017.
Resumo: Esta tese buscou investigar uma concepção existencial de Educação Ambiental, tendo como suporte o caminho sustentável. O intuito foi realizar uma crítica, à maneira com a qual o conceito de desenvolvimento sustentável é imposto de forma homogênea e hegemônica na Educação Ambiental. Para tanto, apresentamos o caminho sustentável, constituído a partir do envolvimento ambiental, que por sua vez, é tecido por uma luta pela autossuficiência, por uma conservação ambiental e por justiça social, em uma construção alicerçada com o lugar. Logo, pensar a partir do envolvimento ambiental é compreender que há uma diversidade de experiências humanas a partir da relação de intimidade e de pertencimento que determinadas comunidades originárias possuem com o lugar e com a natureza. Neste trabalho, os saberes e as experiências vividas dos extrativistas da reserva extrativista do Extremo Norte do Tocantins são o que fundamentam o envolvimento ambiental. As perspectivas decolonial, e pós-colonial e a fenomenologia alicerçam teoricamente e epistemicamente as tramas da tese. A fenomenologia é também o método para a consecução da pesquisa, com foco em suas compreensões humanistas, além da técnica da pesquisa-ação existencial e da análise-documental. Como resultados, apresentamos que as relações entre os seres humanos para com seus pares e com a natureza, expostas nas essências do caminho sustentável e existentes na reserva extrativista do Extremo Norte do Tocantins, rompem com o pensamento produzido pela sociedade moderno-colonial que impõe uma única maneira de ser sustentável. Por conseguinte, a partir dos resultados obtidos, destacamos que no cotidiano de comunidades originárias, com as essências do caminho sustentável, aliadas a um diálogo de saberes, é que se fundamenta a Educação Ambiental existencial.
Abstract: This thesis sought to investigate an existential conception of Environmental Education, having as support the sustainable way. The aim was to make a critique, the way in which the concept of sustainable development is imposed in a homogenous and hegemonic form in Environmental Education. To do so, we present the sustainable way, constituted from environmental involvement, which in turn is woven by a struggle for self-sufficiency, for environmental conservation and for social justice, in a construction based on the place. Therefore, to think of environmental involvement is to understand that there is a diversity of human experiences based on the relationship of intimacy and belonging that certain native communities have with the place and nature. In this work, the knowledge and experiences of the extractivists of the extractive reserve of the extreme North of Tocantins are what underpin environmental involvement. The decolonial, and post-colonial perspectives and phenomenology theoretically and epistemically ground the plot of the thesis. Phenomenology is also the method for the pursuit of research, focusing on its humanistic understandings, beyond the existential research-action technique and document-analysis. As results, we present that the relationships between humans towards their peers and with nature, exposed in the essentials of the sustainable way and existing in the extractive reserve of the extreme North of Tocantins, break with the thought produced by modern-colonial society that imposes a only way to be sustainable. Therefore, from the results obtained, we highlight that in the daily life of native communities, with the essences of the sustainable way, allied to a dialogue of knowledge, is the foundation of existential Environmental Education.
URI: http://hdl.handle.net/11612/693
Appears in Collections:Doutorado em Ciências do Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fabio Pessoa Vieira - Tese.pdf2.65 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.