Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/2812
Authors: Menezes, Carla Alessandra Paula da Silva
metadata.dc.contributor.advisor: Fuza , Ângela Francine
Title: Leitura compartilhada e desenvolvimento do leitor crítico no 5º ano do ensino fundamental por meio do gênero discursivo conto
Keywords: Leitura compartilhada; Oficinas de leitura; Ensino Fundamental; Conto; Shared reading; Reading workshops. Elementary school; Tale
Issue Date: 12-Dec-2020
Citation: Menezes, Carla Alessandra Paula da Silva. Leitura compartilhada e desenvolvimento do leitor crítico no 5º ano do ensino fundamental por meio do gênero discursivo conto.2020.209f. Dissertação (Mestrado em Letras) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Letras, Porto Nacional, 2020.
metadata.dc.description.resumo: No Brasil, os resultados obtidos no Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB) levam pesquisadores a apontar e estudar sobre o estado crítico em relação às habilidades em leitura. A unidade de Ensino, situada no município de Miracema-Tocantins, onde ocorreu à pesquisa, em 2017, obteve média 3,7, não alcançando a meta projetada pelo Instituto Nacional de Estudo e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) para este ano, a qual devia ser igual ou superior a 4,2. Além das estatísticas, percebemos que o aluno-leitor, nas aulas de leitura, não tem voz para falar e se expressar, dependendo da didática utilizada pelo docente. Diante desse cenário, esta pesquisa tem como objetivo geral refletir como o trabalho com a leitura compartilhada do gênero conto, por meio de orientações teórico-metodológicas, pode contribuir para o desenvolvimento de habilidades leitoras em alunos do 5º ano do Ensino Fundamental, possibilitando-lhes atitudes responsivas e críticas frente ao texto. Especificamente, buscamos: (1) caracterizar as atividades de leitura compartilhada implementadas por meio de oficinas; (2) apreender de que forma os alunos ressignificam conteúdos trabalhados nas oficinas, conforme as habilidades selecionadas para a composição deste estudo; (3) caracterizar os efeitos do trabalho com a leitura compartilhada para o desenvolvimento do aluno-leitor pelo dialogismo e responsividade. Para isso, inserimos este estudo na Linguística Aplicada, fundamentada teórico-metodologicamente, nas estratégias de leitura, defendidas por Solé, (1998). Além disso, concebe-se a linguagem como produto da interação, segundo os postulados teóricos do Círculo de Bakhtin, considerando-se a leitura compartilhada como prática social de trabalho. Trata-se de um estudo de caso qualitativo e interpretativista, realizado em uma escola pública de Miracema-TO e tem como público-alvo alunos do 5º ano do Ensino Fundamental. Para a geração e coleta de dados, organizamos a pesquisa em duas etapas: uma avaliação diagnóstica de leitura e intervenções em oficinas de leitura compartilhada com o gênero discursivo conto, o qual faz parte do campo artístico literário e inserido no cronograma de estudos no 5º ano, de acordo com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC, 2017). Como resultado, verificamos que as oficinas com leitura compartilhada levaram os alunos-leitores-escritores a falar, escutar, participar e agir criticamente, ou seja, a responder ativamente às atividades de intervenção docente. Além disso, eles produziram uma réplica discursiva (resumo pela escrita) sobre o que conseguiram reter das leituras. De modo geral, os efeitos do trabalho com a leitura compartilhadas revelaram o posicionamento reflexivo dos alunos frente aos textos e em diálogo com o outro, representado pelo colega de classe e pela professora-mediadora.
Abstract: In Brazil, the results obtained in the Basic Education Assessment System (SAEB) lead researchers to point out and study about the critical state in relation to reading skills. The teaching unit, located in the municipality of Miracema – Tocantins, where the research took place in 2017, obtained an average of 3.7, not reaching the goal projected by the National Institute of Educational Studies and Research (INEP) for this year, the which should be 4.2 or higher. In addition to the statistics, we noticed that the student-reader, in reading classes, do not have a voice to speak and express themself, depending on the didactics used by the teacher. In view of this scenario, this research has the general objective of reflecting how the work with the shared reading of the short story, through theoretical and methodological orientations, can contribute to the development of reading skills in 5th grade elementary school students, enabling them responsive and critical attitudes towards the text. We considered the specific objectives: (1) to characterize shared reading activities implemented through workshops; (2) to learn how students reinterpret contents worked in the workshops, according to the skills selected for the composition of this study; (3) to characterize the effects of work with shared reading for the development of the student-reader through dialogism and responsiveness. For that, we inserted this study in Applied Linguistics, based theoretically and methodologically, in the reading strategies, defended by Solé, (1998). In addition, language is conceived as a product of interaction, according to the theoretical postulates of the Bakhtin’s Circle, considering shared reading as a social work practice. This is a qualitative and interpretative case study, carried out in a public school in Miracema-TO and has the target audience of students in the 5th year of elementary school. For the generation and collection of data, we organized the research in two stages: a diagnostic evaluation of reading and interventions in reading workshops shared with the short story genre, which is part of the literary artistic field and inserted in the study schedule in the 5th year, according to the Common National Curricular Base (BNCC, 2017). As a result, we found that the workshops with shared reading led students-readers-writers to speak, listen, participate and act critically, that is, to respond actively to teaching intervention activities. In addition, they produced a discursive reply (summary by writing) about what they managed to retain from the readings. In general, the effects of the work with shared reading revealed the students’ reflective position in relation to the texts and in dialogue with the other, represented by the classmate and the teacher-mediator.
URI: http://hdl.handle.net/11612/2812
Appears in Collections:Mestrado em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Carla Alessandra Paula da Silva Menezes - Dissertação.pdf4.79 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.