Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/2806
Authors: Garcia, Rebeca Mendes
metadata.dc.contributor.advisor: Stephani, Adriana Demite
Title: Literatura na rede: booktubers e a (trans)formação de leitores literários
Keywords: Letramento literário; Booktube; Mediação de leitura; Gêneros discursivos; Literary literacy; Booktube; Reading mediation; Discursive genres
Issue Date: 9-Nov-2020
Citation: GARCIA, Rebeca Mendes. Literatura na rede: booktubers e a (trans)formação de leitores literários.2018.128f. Dissertação (Mestrado em Letras) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Letras, Porto Nacional, 2018.
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa tem por objetivo analisar práticas de leitura e compartilhamento de livros da comunidade booktube, a fim de propor metodologias de mediação de leitura na escola. Essa comunidade é formada por canais literários criados por jovens e adultos leitores, conhecidos como booktubers, que publicam conteúdo relacionado à literatura, desde resenhas de livros a entrevistas com autores e publieditoriais em parceria com editoras. Buscou-se estudar e sistematizar os gêneros discursivos produzidos na comunidade para que se pudesse compreender a dinâmica do booktube e integrá-la às práticas utilizadas em aulas de literatura das escolas brasileiras, com vistas ao diálogo entre mediação de leitura no ciberespaço e no ambiente escolar. Para tanto, utilizou-se o a metodologia intitulada netnografia proposta por Kozinets (2014) que consistiu na observação e análise de quatro canais literários e de vídeos dos gêneros determinados para estudo. Através de prints de tela, descrição dos áudios e estudo dos recursos audiovisuais dos vídeos, como também leitura dos comentários, os canais “Tatiana Feltrin”, “Ler antes de morrer”, “Literature-se” e “Volta ao Brasil em 365 livros” foram analisados e sistematizados os gêneros vídeo-resenha, leitura coletiva, bookshelf tour e entrevista. Como aporte teórico, baseou-se em Martins (1996), Koch e Elias (2008) e Cosson (2006, 2019) para abordar concepções de leitura e letramento literário. Já a discussão sobre mediação de leitura fundamentou-se, principalmente, em Freire (2002), Petit (2008) e Yunes (2014) e, sobre a questão da leitura em ambientes virtuais, apoiou-se em Chartier (1999), Santaella (2004) e Xavier (2010). E, ainda, nas contribuições de Jeffman (2017) que teorizou sobre o Booktube em sua tese de doutoramento. Constatou-se, pois, que essa comunidade de leitores tem apresentado maneiras profícuas de aproximar as pessoas dos livros literários. Entretanto, a escola continua sendo o espaço consagrado para formação de leitores literários e os professores, mediadores desse processo. Por isso, elaborou-se, como produto final desta pesquisa, uma proposta metodológica em forma de oficinas, utilizando os gêneros discursivos produzidos pelos booktubers, a fim de que exista um diálogo entre as comunidades escolar e a booktube, como também a inserção da escola no contexto midiático, ao propor como ferramentas de ensino o uso de smartphones, câmeras e redes sociais, como o YouTube, que se mostram uma exigência deste tempo de imersão no ciberespaço.
Abstract: This research aims to analyze the reading and book sharing practices of the booktube community, in order to propose reading mediation methodologies at school. This community is made up of literary channels created by young and adult readers, known as booktubers, who publish content related to literature, from book reviews to interviews with authors and publishers in partnership with publishers. We sought to study and systematize the discursive genres produced in the community so that one could understand the dynamics of the booktube and integrate it with the practices used in literature classes in Brazilian schools, with a view to the dialogue between reading mediation in cyberspace and in the school environment. For that, the methodology called netnography proposed by Kozinets (2014) was used, which consisted of the observation and analysis of four literary channels and videos of the genres determined for study. Through screen prints, description of the audios and study of the audiovisual resources of the videos, as well as reading the comments, the channels “Tatiana Feltrin”, “Ler antes de morrer”, “Literature-se” and “Volta ao Brasil em 365 livros” were analyzed and the genres video-review, collective reading, bookshelf tour and interview were systematized. As a theoretical contribution, it was based on Martins (1996), Koch and Elias (2008) and Cosson (2006, 2019) to address concepts of reading and literary literacy. The discussion about reading mediation was based mainly on Freire (2002), Petit (2008) and Yunes (2014) and, on the issue of reading in virtual environments, supported by Chartier (1999), Santaella (2004) and Xavier (2010). And yet, in the contributions of Jeffman (2017) who theorized about Booktube in his doctoral thesis. It was found, therefore, that this community of readers has shown fruitful ways of bringing people closer to literary books. However, the school remains the consecrated space for training literary readers and teachers, mediators of this process. Therefore, as a final product of this research, a methodological proposal in the form of workshops was elaborated, using the discursive genres produced by the booktubers, so that there is a dialogue between the school communities and the booktube, as well as the insertion of the school. in the media context, by proposing the use of smartphones, cameras and social networks, such as YouTube, as teaching tools, which are a requirement of this time of immersion in cyberspace.
URI: http://hdl.handle.net/11612/2806
Appears in Collections:Mestrado em Letras

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rebeca Mendes Garcia - Dissertação.pdf3.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.