Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/261
Author: Carvalho, Sheryda Lila de Souza
Advisor: Oliveira, Adão Francisco de
Title: Autossegregação urbana em Imperatriz/MA: um estudo a partir dos condomínios horizontais do bairro Santa Inês
Keywords: Autossegregação socioespacial;Condomínios horizontais;Bairro Santa Inês;Imperatriz/MA
Issue Date: 7-Mar-2016
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Geografia - PPGG
Citation: CARVALHO, Sheryda Lila de Souza. Autossegregação urbana em Imperatriz/MA: um estudo a partir dos condomínios horizontais do bairro Santa Inês. 2016. 212f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Geografia, Porto Nacional, 2016.
Resumo: Este estudo consiste num esforço direcionado à compreensão do processo de autossegregação socioespacial em Imperatriz-MA, uma cidade média inserida no contexto da Amazônia Oriental, partindo de um estudo sobre os condomínios horizontais presentes no bairro Santa Inês desde 2010. Para isso, busca-se entender as bases conceituais sobre segregação, autossegregação, condomínios horizontais e produção do espaço urbano em cidades médias, bem como as especificidades inerentes ao processo histórico de produção do espaço urbano imperatrizense darão suporte a estruturação deste trabalho. Além de analisar a atuação dos principais agentes sociais responsáveis pela dinâmica socioespacial da cidade. Os referenciais metodológicos se pautaram por uma abordagem qualitativa da realidade, a partir do estudo das contradições que norteiam as cidades enquanto espaços apropriados pelo capitalismo contemporâneo. Por meio de múltiplas técnicas de pesquisa, como a observação não participativa, o questionário de pesquisa e a realização de entrevistas com pautas, foi possível levantar informações que resultaram na elaboração de mapas, quadros, tabelas e gráficos que contribuíram para a compreensão da complexa dinâmica socioespacial de Imperatriz e particularmente do bairro Santa Inês. Quanto à escala geográfica de análise, esta se projeta no espaço intra-urbano de Imperatriz, sem deixar de contextualizá-la no cenário regional no qual coordenada, em virtude da sua importância enquanto polo econômico para esta região, o que reflete na produção do seu espaço interno. Desse modo, entende-se que este trabalho cumpre com o que se propôs, visto que analisa e compreende as bases nas quais se estabeleceram a produção do espaço urbano no bairro Santa Inês quando da implantação dos condomínios horizontais e, assim, vem oferecer subsídios que permitem refletir sobre a reestruturação urbana a qual Imperatriz tem vivenciado neste início de século XXI
Abstract: This study is an effort directed at understanding the socio-spatial process of self segregation in Imperatriz-MA, a medium-sized city into the context of eastern Amazon, from a study of the horizontal condominiums present in the neighborhood Santa Inês since 2010. To this end, we want to understand the conceptual bases about segregation, self segregation, horizontal condominiums and production of urban space in medium-sized cities as well as the specificities of the historical process of production of the urban space from Imperatriz will support the structuring of this work. In addition to analyzing the performance of the main social agents responsible for socio-spatial dynamics of the city. The methodological framework is guided by a qualitative approach to reality, from the study of the contradictions that guide the cities as spaces appropriated by contemporary capitalism. Through multiple research techniques, such as non-participant observation, the survey questionnaire and conducting interviews with guidelines, made it possible to collect information that resulted in the preparation of maps, charts, tables and graphs that contributed to the understanding of the complex dynamics socio-spatial of Imperatriz and particularly the Santa Inês neighborhood. Regarding the geographical scale of analysis, this is projected in Imperatriz intra-urban space, while contextualizing it in the regional scenario where coordinated, because of its importance as a region economic center, reflecting the production of its internal space. Thus, it is understood that this work meets what is proposed, as analyzes and understands the basis on which settled the production of urban space in Santa Inês neighborhood upon the implementation of condominiums and, thus comes to offer subsidies allow to reflect on urban restructuring which Imperatriz has experienced at the beginning of XXI century.
URI: http://hdl.handle.net/11612/261
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sheryda Lilla de Souza Carvalho - Dissertação.pdf11.09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.