Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/960
Authors: Barbosa, Adriano Silveira
metadata.dc.contributor.advisor: Pelúzio, Joênes Mucci
Title: Dessecação química e retardamento de colheita em soja visando à produção de sementes
Keywords: Épocas de colheita;Glycine max;Herbicida dessecante;Harvest time;Desiccant herbicide
Issue Date: 9-Mar-2018
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Produção Vegetal - PPGPV
Citation: BARBOSA, Adriano Silveira. Dessecação química e retardamento de colheita em soja visando à produção de sementes.2018.45f.Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Produção Vegetal, Gurupi, 2018.
metadata.dc.description.resumo: A aplicação de dessecantes em pré-colheita da soja reduz o tempo de permanência das plantas no campo, podendo minimizar os efeitos adversos das condições climáticas na qualidade das sementes. Entretanto, estudos sobre o efeito da dessecação aliada ao retardamento de colheita, nas qualidades das sementes, são escassos em cultivos sob baixa latitude. Assim, no ano agrícola 2016/17, foi realizado um experimento em Gurupi-TO, em delineamento de blocos casualizados, com três repetições, sendo os tratamentos dispostos em esquema de parcelas subsubdivididas, sendo alocados nas parcelas duas cultivares de soja com tipos de crescimento diferentes (NA 8015 RR-indeterminado; M 8349 IPRO-determinado), nas subparcelas dois sistemas de manejo (com dessecação e testemunha) e nas subsubparcelas quatro épocas de colheita (R8, R8+7, R8+14, R8+21). O dessecante utilizado foi um herbicida com princípio ativo Paraquat, na dosagem recomendada para a soja (1,5 L.ha-1), aplicado no estádio R7.2 da cultura. Após a colheita, as sementes foram submetidas aos testes de germinação em laboratório, emergência em campo, produtividade, teores de óleo e proteína dos grãos. As médias das cultivares e dos sistemas de manejo foram comparadas pelo teste de Scott-Knott, a 5% de significância. Para as épocas de colheita, foram ajustados polinômios ortogonais. Não houve efeito da dessecação química e do retardamento de colheita na composição química dos grãos. O retardamento da colheita afetou negativamente a germinação, emergência e produtividade das sementes. A cultivar M 8349 IPRO foi mais tolerante aos testes. Os dessecantes podem ser usados visando antecipar a colheita da soja.
Abstract: The application of desiccants in pre-harvesting of soybeans contributes to the reduction of seed exposure to unfavorable climatic conditions and to reduce the possibility of germination and vigor losses, as well as to allow uniformity of maturation and to anticipate harvesting of soybean from three days to one week. However, studies on its effect on physiological quality and chemical composition of soybeans with harvest delay are scarce in crops under low latitude. Thus, in the agricultural year 2016/17, an experiment was carried out in Gurupi-TO, in a randomized block design, with three replications, and the treatments were arranged in a sub-split plot scheme, being allocated in plots two cultivars of soybeans with different growth types (NA 8015 RR-undetermined; M 8349 IPRO-determined), in the subplots two management systems (with and without desiccant application) and in sub-subplots four harvesting times (R8, R8+7, R8+14, R8+21). The desiccant used was the herbicide Gramoxone (active principle Paraquat), at the recommended dosage for soybean (1.5 L.ha-1), applied at the R7.2 stage of the culture. After the harvest, the seeds were submitted to germination tests in the laboratory, field emergence, yield, oil content and grain protein. The means of cultivars and management systems were compared by the Scott-Knott test, at 5% significance. For the harvest times, orthogonal polynomials were fitted. The cultivar M 8349 IPRO was more conducive to desiccation. Harvest delay negatively affected the physiological quality of the seeds, with no effect on the chemical composition of the seeds. Chemical desiccation kept the seeds with better physiological quality for a longer period.
URI: http://hdl.handle.net/11612/960
Appears in Collections:Mestrado em Produção Vegetal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Adriano Silveira Barbosa - Dissertação.pdf862.66 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.