Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/958
Authors: Oliveira, Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor: Sarmento, Renato de Almeida
Title: Estrutura do habitat afeta o desempenho reprodutivo de ácaros predadores e interações tritróficas em teia alimentar de pinhão-manso
Keywords: Fitness;Forrageamneto,;Predação;Dieta mista;Foraging;Predation;Diet mixed
Issue Date: 9-Mar-2018
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais e Ambientais - PPGCFA
Citation: OLIVEIRA, Adriana Gonçalves. Estrutura do habitat afeta o desempenho reprodutivo de ácaros predadores e interações tritróficas em teia alimentar de pinhão-manso.2018.51f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais e Ambientais, Gurupi, 2018.
metadata.dc.description.resumo: A complexidade estrutural do habitat é considerada um fator importante que influencia a dinâmica populacional e a organização trófica dos artrópodes na natureza. Com o aumento da estrutura do habitat, aumenta-se a ocorrência de fontes alternativas de alimento e os organismos podem aumentar o seu fitness ao se alimentar de uma dieta mista. Por outro lado, ao forragear em busca de misturar sua alimentação e incrementar seu fitness, o predador se expõe a interações que podem não ser benéficas, a exemplo da predação intraguilda. O presente trabalho foi dividido em dois capítulos. No primeiro capítulo foi investigada a capacidade do ácaro Euseius concordis em percorrer grandes distâncias para misturar sua dieta, ao passo que foi verificado a existência de custos envolvidos para obter a dieta. No segundo capítulo foi avaliada a ocorrência de predação intraguilda recíproca entre duas espécies de ácaros predadores Iphiseiodes zulaguai e E. concordis, os quais são considerados potenciais agentes de controle biológico em diversas culturas. Os resultados indicam que E. concordis não forrageou longas distâncias de modo a misturar sua dieta. Além disso, I. zulaguai e E. concordis interagiram por meio da predação intraguilda recíproca. Finalmente, este estudo demonstra que a estrutura do habitat está ligada diretamente com a dinâmica populacional do artrópode. Esses resultados podem ser aplicados a outros sistemas de cultivos, tanto florestais quanto agrícolas.
Abstract: The structural complexity of the habitat is considered an important factor that influences the population dynamics and the trophic organization of arthropods in nature. As the habitat structure increases, alternative sources of food increase and organisms can increase their fitness by eating a mixed diet. On the other hand, when foraging in search of mixing their food and increasing their fitness the predator is exposed to interactions that may not be beneficial, such as intraguild predation. The present work, divided in two chapters, the first chapter investigated the ability of the mite Euseius concordis to travel great distances to mix their diet, while it was verified the existence of costs involved to obtain the diet. In the second chapter, the occurrence of reciprocal intraguild predation between two predatory mite species Iphiseiodes zulaguai and E. concordis, which are considered as potential biological control agents, was evaluated. The results indicate that E. concordis did not forage long distances in order to mix their diet. In addition, I. zulaguai and E. concordis interacted through reciprocal intraguild predation. Finally, this study demonstrates that the habitat structure is directly linked to the population dynamics of arthropods.
URI: http://hdl.handle.net/11612/958
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Adriana Gonçalves Oliveira - Dissertação.pdf1.19 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.