Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/945
Authors: Tavares, Silvaldo Quirino
metadata.dc.contributor.advisor: Bispo, Marciléia Oliveira
Title: Modo de vida camponês na contemporalidade de lutas e resistência na comunidade Angical – Paranã/TO
Keywords: Geografia;Modo de vida camponês;Território;Resistência;Geography;Peasant way of life;Territory;Resistance
Issue Date: 26-Mar-2018
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Geografia - PPGG
Citation: TAVARES, Silvaldo Quirino. Modo de vida camponês na contemporalidade de lutas e resistência na comunidade Angical – Paranã/TO.2018. 126f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Geografia, Porto Nacional, 2018.
metadata.dc.description.resumo: Analisar a trajetória do modo de vida camponês no Brasil, independentemente da escala de análise, exige consideração aos aspectos históricos da classe e da essência das práticas socioespaciais e territoriais exercidas no âmbito da luta pela condição de reprodução social. Desse modo, o objetivo principal deste trabalho é analisar o processo de formação territorial, as práticas produtivas e os elementos socioespaciais de resistência da Comunidade Angical em Paranã-TO, frente às adversidades sociais e ambientais do território. O procedimento inicial para o desenvolvimento desta pesquisa consistiu na revisão bibliográfica através de diversas fontes textuais da literatura inerente ao tema. A outra etapa foi o trabalho de campo, que teve como foco a coleta de dados e a identificação das representações sociais do grupo estudado sobre o modo de vida em que está inserido. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas, com os moradores mais antigos da comunidade e com alguns gestores públicos do município de Paranã. Além disso, foram aplicados, formulários objetivos com as famílias. No processamento das informações foram usadas técnicas qualitativas e quantitativas. Os resultados do presente estudo apontaram a existência de uma luta histórica dos camponeses da Comunidade Angical focada na permanência no território e no enfrentamento das dificuldades produtivas que apareceram, sobretudo, a partir de 1990. Há diversos elementos de resistência da comunidade, sendo relacionados à identidade do grupo com o modo de vida consolidado, às alterações nas relações sociais internas e externas, conforme as exigências e as possibilidades do contexto histórico vigente.
Abstract: Analyzing the trajectory of the peasant way of life in Brazil, regardless of the scale of analysis, requires consideration of the historical aspects of the class and the essence of socio-spatial and territorial practices exercised in the context of the struggle for the condition of social reproduction. Thus, the main objective of this research is to analyze the process of territorial formation, productive practices and socio-spatial elements of resistance of the Angical Community in Paranã-TO, facing the social and environmental adversities of the territory. The initial procedure for the development of this research consisted of the bibliographical review through several textual sources of the literature inherent to the theme. The other stage was the pratical work, which was focused on data collection and identification of the social representations of the studied group about they lifestyle in which is inserted. Semi-structured interviews were conducted, with the oldest residents of the community and with some public managers of the county of Paranã. In addition, objective forms was applied with the families. In the information processing, qualitative and quantitative techniques were used. The results of the present study pointed to the existence of a historical peasant’s conflict in an Angical Community, focused on the permanence in the territory and facing the productive difficulties that appeared, especially, since 1990. There are several elements of resistance of the community, being related to the identity of the group with the consolidated way of life, the changes in the internal and external social relations, according to the demands and the possibilities of the current historical context.
URI: http://hdl.handle.net/11612/945
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Silvaldo Quirino Tavares - Dissertação.pdf3.68 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.