Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/901
Author: Costa, José Nilton Gomes da
Advisor: Castro, José Gerley Díaz
Title: Avaliação do sistema de vigilância da leishmaniose visceral humana no Brasil, 2011 - 2015
Keywords: Leishmaniose visceral;Avaliação de sistema;Brasil;Visceral leishmaniasis;System evaluation;Brazil
Issue Date: 6-Dec-2017
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde - PPGCS
Citation: COSTA, José Nilton Gomes da. Avaliação do sistema de vigilância da leishmaniose visceral humana no Brasil, 2011 - 2015. 2018.65f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Palmas, 2018.
Resumo: A Leishmaniose Visceral (LV) é uma doença crônica e sistêmica, também conhecida como, calazar, esplenomegalia tropical ou febre dundun, quando não tratada, pode evoluir para óbito em mais de 90% dos casos. É causada por um protozoário e transmitida por espécies de insetos vetores conhecidas como flebotomíneos. Considerada primariamente como zoonose, podendo acometer o homem, quando este entra em contato com o ciclo de transmissão do parasito, transformando-se em uma antropozoonose. De 2011 a 2015, foram notificados 49.608 casos, sendo 18.323 confirmados no mesmo período, com 1.258 óbitos, com casos confirmados nas 27 UF, evidenciando a expansão do vetor no país. A avaliação do sistema de vigilância (SV) visa assegurar que problemas de importância em saúde pública estejam sendo monitorados de maneira eficiente e efetiva, além de subsidiar recomendações para melhorar sua qualidade, eficiência e utilidade. O objetivo deste trabalho foi avaliar o SV-LVH no Brasil, entre os anos de 2011 a 2015. Método: Optou-se pela metodologia do Guia de Avaliação de Sistemas de Vigilância em Saúde Pública proposto pelo CDC. Compreendeu a descrição do SV-LVH, bem como a avaliação de seu desempenho, por meio de atributos qualitativos, quantitativos e sua utilidade. Resultados e Discussão: Os resultados dos atributos qualitativos evidenciam que o sistema é complexo, possui qualidade boa dos dados, e apresentou boa aceitabilidade. Em relação aos atributos quantitativos, demonstrou possuir sensibilidade regular na captação de casos confirmados, foi oportuno, com valor preditivo positivo regular, representativo e estável. O sistema foi considerado útil, por cumprir com os objetivos propostos. Recomendações: Revisar o Manual de Vigilância e Controle da Leishmaniose Visceral, com ênfase nos aspectos do diagnóstico e do tratamento; realizar cursos de aperfeiçoamento para os técnicos de vigilância epidemiológica; divulgar de forma rotineira os resultados produzidos pelo sistema de vigilância; realizar novos estudos para se avaliar a sensibilidade do sistema; realizar um estudo qualitativo para complementar o entendimento e explorar outros aspectos não abordados nesta avaliação; realizar avaliação de custo do SV-LVH no Brasil.
Abstract: Visceral Leishmaniasis (LV) is a chronic and systemic disease, also known as kalazar, tropical splenomegaly or dundun fever, when it is untreated, can progress to death in more than 90% of cases. It is caused by a protozoan and transmitted by species of insect vectors known as phlebotomines. Considered primarily as zoonosis, it can affect man when it comes into contact with the transmission cycle of the parasite, transforming itself into an anthropozoonosis. From 2011 to 2015, 49,608 cases were reported, of which 18,323 were confirmed in the same period, with 1,258 deaths, with confirmed cases in 27 UF, evidencing the expansion of the vector in the country. The evaluation of the surveillance system (SV) aims to ensure that problems of public health importance are being monitored in an efficient and effective way, as well as to support recommendations to improve its quality, efficiency and utility. The objective of this study was to evaluate SV-LVH in Brazil, between the years of 2011 to 2015. Method: The methodology of the Guide for Evaluation of Public Health Surveillance Systems proposed by the CDC was chosen. It comprised the description of the SV-LVH, as well as the evaluation of its performance, through qualitative, quantitative attributes and their usefulness. Results and Discussion: The results of the qualitative attributes show that the system is complex, has good data quality, and has good acceptability. Regarding quantitative attributes, it was shown to have a regular sensitivity in the collection of confirmed cases, it was opportune, with a positive predictive value that was regular, representative and stable. The system was considered useful, because it fulfilled the proposed objectives. Recommendations: Review the Visceral Leishmaniasis Surveillance and Control Manual, with emphasis on aspects of diagnosis and treatment; to carry out training courses for epidemiological surveillance technicians; to routinely disclose the results produced by the surveillance system; to carry out new studies to evaluate the sensitivity of the system; conduct a qualitative study to complement the understanding and explore other aspects not covered in this evaluation; the SV-LVH in Brazil.
URI: http://hdl.handle.net/11612/901
Appears in Collections:Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
José Nilton Gomes da Costa - Dissertação.pdf2.24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.