Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/733
Authors: Neves, Tiago Veloso
metadata.dc.contributor.advisor: Castro, José Gerley Díaz
Title: Qualidade dos registros nos prontuários de pacientes de hanseníase no município de Palmas, Tocantins, no período de 2011 a 2014
Keywords: Hanseníase;Registros Médicos;Estatísticas de Sequelas e Incapacidade;Leprosy;Medical Records;Statistics on Sequelae and Disability
Issue Date: 28-Jun-2017
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde - PPGCS
Citation: NEVES, Tiago Veloso. Qualidade dos registros nos prontuários de pacientes de hanseníase no município de Palmas, Tocantins, no período de 2011 a 2014. 2017. 69f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Palmas, 2017.
metadata.dc.description.resumo: O objetivo deste estudo foi analisar os prontuários de pacientes de hanseníase na cidade de Palmas, Tocantins, verificando a completude de preenchimento dos documentos obrigatórios de constarem no mesmo, bem como a qualidade dos registros realizados pelos diversos profissionais durante o tratamento dos pacientes. Para coletar os dados foi utilizado um checklist por meio do qual se registrou o nível de completude do preenchimento de documentos obrigatórios do prontuário do paciente de hanseníase, o Nível do Registro Descritivo, e os dados o Grau de Incapacidade Física e Escore de Olhos, Mãos e Pés do paciente. Foram analisados 233 prontuários de pacientes diagnosticados e tratados entre 2011 e 2014, sendo a maior parte deles, do sexo masculino (61%). O documento com maior percentual de preenchimento parcial foi o Formulário de Vigilância de Contatos Intradomiciliares (79,4%). Quanto aos documentos do prontuário como um todo, apenas 0,86% dos prontuários foram considerados como estando adequados. O Nível do Registro Descritivo foi predominantemente Mínimo (38,4%) e Médio (58,6%). Houve associação estatística significativa (p<0,05) entre esta variável e o Escore de Olhos, Mãos e Pés. Este estudo e seus resultados reforçam a hipótese de que existe relação entre registro mal feito e cuidado mal prestado ao paciente.
Abstract: The objective of this study was to analyze the records of leprosy patients in the city of Palmas, Tocantins, verifying the completeness of filling out the mandatory documents included in it, as well as the quality of the records made by the various professionals during the treatment of the patients. To collect the data, a checklist was used to record the completeness of fulfillment in the mandatory documents of the leprosy patient record, the Level of Descriptive Record, and the data on the Physical Disability Grade and Eye-Hand-Foot Score of the patient. We analyzed 233 medical records of patients diagnosed and treated between 2011 and 2014, most of them male (61%). The document with the highest percentage of partial completion was the Intradomiciliary Contacts Surveillance Form (79.4%). As for the documents of the patient record as a whole, only 0.86% of the records were considered adequate. The level of Descriptive Record was predominantly Minimum (38.4%) and Medium (58.6%). There was a statistically significant association (p<0.05) between this variable and the Eye-Hand-Foot Score. This study and its results reinforce the hypothesis that there is a relationship between poorly done registry and poor care provided to the patient.
URI: http://hdl.handle.net/11612/733
Appears in Collections:Mestrado em Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tiago Veloso Neves - Dissertação.pdf1.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.