Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/682
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorVizolli, Idemar-
dc.contributor.authorSantos, Thiago Ferreira dos-
dc.date.accessioned2017-12-08T19:18:48Z-
dc.date.available2017-12-08T19:18:48Z-
dc.date.issued2017-08-24-
dc.identifier.citationSANTOS, Thiago Ferreira dos. Desvelando cercas: o cenário da educação básica do e no campo no estado do Tocantins.2017. 195f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Educação, Palmas, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/11612/682-
dc.description.abstractThe objective of this study was to map the reality of the Basic Education of the and in the Field in the state of Tocantins – from a bibliographical and documentary research and considering the settlement schools, quilombos communities remnant, indigenous territories, rural communities and agricultural family – with regard to the number of school units and enrollment, teaching conditions and public policies aimed at this education category. In order to achieve this, the following specific objectives were pursued: conduct a survey the state's basic education schools in the field, as well as verifying the quantitative of these school units and their enrollments; as well as to describe the conditions of basic education teaching in these schools, identifying the public policies aimed at the educational service of peasants. This is a descriptive-analytical, predominantly qualitative approach, and as strategies and procedures for data collection the present study was organized in stages: i) a review of bibliographies related to the object and subject of study, such as: the Brazilian peasantry and its formation, the conflicts of the struggle for land and social movements; Rural Education and Field Education; Field Education – references, traits and principles; Field Education in Brazilian legislation; The Basic Education of the Field; Public policies for the field and for the Education of the Field and, finally, a little of the locus of the research, the State of Tocantins; ii) collection of documents (resolutions, ordinances, censuses, among others) related to the Basic Education of the Field in Tocantins in the years of 2013 to 2016; iii) description and systematization of collected data; and, iv) analysis and discussion of information. The data collected and analyzed indicate that, the Field Education in Tocantins, is still in the process of construction. There are a large number of schools that – even though they are in the rural areas – cannot be considered as "field schools”, but "in the field". For the most part, they are institutions that are not thought out and created by social movements and people living in and out of the country, follow an urban curriculum and do not comply with the guidelines for the Field Schools. In addition, issues such as infrastructure (classrooms, libraries and laboratories, leisure areas, etc.), logistics (school transport), teacher training of the professionals that work in these spaces, and design and teaching proposal (Alternation Pedagogy) are far from the minimum quality required for its operation.pt_BR
dc.formatapplication/pdfen_US
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Tocantinspt_BR
dc.rightsOpen Accessen_US
dc.subjectEducação do Campopt_BR
dc.subjectEducação Básicapt_BR
dc.subjectCenáriopt_BR
dc.subjectTocantinspt_BR
dc.subjectField Educationpt_BR
dc.subjectBasic Educationpt_BR
dc.subjectScenariopt_BR
dc.titleDesvelando cercas: o cenário da educação básica do e no campo no estado do Tocantinspt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.resumoMapear a realidade da Educação Básica do Campo no Estado do Tocantins – a partir de uma pesquisa bibliográfica e documental e considerando as escolas de assentamentos, comunidades remanescentes de quilombos, territórios indígenas, comunidades rurais e família-agrícola – no que diz respeito ao quantitativo de unidades escolares e de matrículas, as condições de ensino e as políticas públicas voltadas para essa modalidade de ensino. Para tanto, procurou-se alcançar os seguintes objetivos específicos: realizar um levantamento das escolas de educação básica do Estado localizadas no campo; verificar o quantitativo dessas unidades escolares e de suas matrículas; e, descrever as condições de ensino da educação básica nessas escolas, identificando as políticas públicas voltadas ao atendimento educacional dos campesinos. Trata-se de um estudo aplicado do tipo descritivo-analítico, de abordagem quali-quantitativa, e, como estratégias e procedimentos para coleta de dados organizou-se o presente estudo em etapas, sendo elas: i) realização de revisão de bibliografias relacionadas ao objeto e tema de estudo, tais como: o campesinato brasileiro e sua formação, os conflitos da luta pela terra e os movimentos sociais; Educação Rural e Educação do Campo; a Educação do Campo – referenciais, traços e princípios; a Educação do Campo na legislação brasileira; a Educação Básica do Campo; políticas públicas para o campo e para a Educação do Campo e por fim, um pouco do lócus da pesquisa, o Estado do Tocantins; ii) coleta de dados em documentos (resoluções, portarias, censos, entre outros) relacionados à Educação Básica do Campo no Tocantins nos anos de 2013 a 2016; iii) descrição e sistematização dos dados coletados; e, iv) análise e discussão das informações. Os dados coletados e analisados apontam que a Educação do Campo no Tocantins ainda se encontra em processo de construção. É grande o número de escolas que – embora estejam instaladas no espaço rural – não podem ser consideradas como sendo escolas “do campo” e sim “no campo”. Em sua maioria, são instituições não pensadas e criadas pelos movimentos sociais e pelos povos que vivem do e no campo, seguem um currículo urbano e não cumprem o que preconizam as Diretrizes Operacionais para as Escolas do Campo. Ademais, questões como a infraestrutura (salas de aula, bibliotecas e laboratórios, áreas de lazer etc.), a logística (transporte escolar), a formação docente dos profissionais atuantes nesses espaços, e, a concepção e proposta de ensino (Pedagogia da Alternância) estão distantes do mínimo de qualidade necessário para seu funcionamento.pt_BR
dc.publisher.countryBRpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Educação - PPGEpt_BR
dc.publisher.campusPalmaspt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpt_BR
Appears in Collections:Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Thiago Ferreira dos Santos - Dissertação.pdf2.26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.