Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/558
Author: Silva, Rafael de Oliveira da
Advisor: Miotto, Fabrícia Rocha Chaves
Title: Produção de bovinos de corte em pastagem de capim Mombaça sob diferentes níveis de adubação
Keywords: Adubação;Características estruturais;Composição química;Forragem;Morfogênese;Produtividade;Chemical composition;Fertilization;Fodder;Morphogenesis;Productivity;Structural features
Issue Date: 19-Jul-2016
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical - PPGCat
Citation: SILVA, Rafael de Oliveira da. Produção de bovinos de corte em pastagem de capim Mombaça sob diferentes níveis de adubação.2016. 95f. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal Tropical) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal Tropical, Araguaína, 2016.
Resumo: Objetivou-se com esse trabalho avaliar o efeito das doses de nitrogênio sobre as características morfogênicas, estruturais, crescimento da cultura e no desempenho de novilhos de corte em pastagem de Panicum maximum cv. Mombaça no norte de Tocantins. Os tratamentos consistiram nas aplicações de: 114,2, 228,3 e 342,5 kg/ha de nitrogênio aplicado na forma de sulfato de amônio no período das águas, nos meses de dezembro a abril de 2016. A pastagem foi adubada ainda com 50 kg/ha de P2O5 na forma de superfosfato simples previamente ao experimento, e K2O na forma de KCl, aplicado juntamente com o nitrogênio na proporção 1:0,5. Utilizou-se 24 novilhos Nelore com nove meses de idade e 173 kg de peso vivo médio inicial para avaliação de desempenho e 36 animais reguladores para manter a altura de saída da forragem. A pastagem foi manejada em pastejo rotacionado, com sete dias de pastejo e 21 dias de descanso. Para as medidas relacionadas a morfogênese, estrutura e composição química, foi utilizado o delineamento em blocos casualizados, com medidas repetida no tempo, três tratamentos, dois blocos por tratamento com quatro ciclos e quatro repetições (piquetes) por bloco, avaliando-se a interação entre tratamentos e ciclos. Para avaliação do desempenho animal utilizou-se delineamento inteiramente casualizado, com medidas repetidas no tempo, com três tratamentos, quatro ciclos de pastejo e oito repetições (animais) por tratamento, avaliando a interação entre tratamentos e ciclos. As variáveis foram submetidas a análise de variância a 5% de significância pelo teste t de Student. As maiores doses de nitrogênio não influenciaram a taxa de alongamento foliar, taxa de aparecimento foliar, taxa de alongamento de haste, filocrono e densidade populacional de perfilhos (p>0,05), no entanto, sofreram influência dos ciclos de pastejo (p<0,05), com exceção do filocrono. Com o aumento da dose de N de 114,2 para 342,5 kg o índice de área foliar pré-pastejo aumentou de 8,86 para 13,84 m2. O comprimento final das folhas expandidas sofreu incrementos de 9,6% com a maior dose (p<0,05). A maior dose de nitrogênio aumentou a taxa de crescimento cultural (p<0,05) com valores de 254,74 e 188,41 kg/ha/dia na maior e menor dose, respectivamente. A massa seca de forragem total, das lâminas foliares e de colmo verde prépastejo foram afetadas com a dose de 342,5 kg/ha de N (p<0,05), aumentando em 19,2; 20,7 e 32,6%, respectivamente, em relação a menor dose. Houve redução dos teores de FDN e FDA e aumento da PB (p<0,05) com a elevação das doses de 114,2 para 342,5 kg. O ganho médio diário dos animais não foi influenciado pelos tratamentos (p>0,05), com valor médio de 0,470 kg/animal/dia, no entanto, o ganho por área e a taxa de lotação foram incrementados pela maior dose, sobretudo nos dois ciclos intermediários (2º e 3º), apresentando valores médios de 5,51 e 6,38 kg/ha/dia e taxa de lotação de 5,5 e 7,0 UA/ha nas doses de 114,2 e 342,5kg de nitrogênio, respectivamente. Os parâmetros sanguíneos não foram afetados pelas doses de nitrogênio (p>0,05). Conclui-se que em pastagem de capim-Mombaça as características morfoestruturais relacionadas ao índice de área foliar, comprimento final das folhas e taxa de crescimento cultural aumentam com a elevação das doses de nitrogênio de 114,2 para 342,5 kg/ha/ano de nitrogênio. A massa seca de forragem total e de seus componentes morfológicos é incrementada com doses de 342,5 kg/ha de nitrogênio. A utilização da maior dose nitrogênio melhora a qualidade nutricional do Mombaça, reduzindo os teores de FDN e FDA e elevando a fração de proteína bruta na matéria seca. O aumento das doses de 114,2 para 342,5 kg/ha de nitrogênio não melhora o desempenho individual dos animais, no entanto, aumenta a produtividade por área.
Abstract: The objective of this study was to evaluate the effect of nitrogen doses on morphogenetic characteristics, structural, crop growth and performance of beef steers grazing Panicum maximum cv. Mombasa in northern Tocantins. The treatments consisted of the application: 114.2, 228.3 and 342.5 kg/ha of nitrogen applied in the form of ammonium sulfate in the rainy season (December to April 2016). The pasture was also fertilized with 50 kg/ha P2O5 in the form of superphosphate prior to the experiment, and K2O as KCl, applied together with the nitrogen in the ratio 1: 0.5. Twenty-four Nellore steers with nine months of age and 173 kg average weight for performance evaluation and 36 animals regulators to maintain forage output high. The pasture was managed in a rotational grazing, with seven days of grazing and 21 days rest. For measures related to morphogenesis, structure and chemical composition, was used a randomized block design, with measurements repeated in time, three treatments, two blocks per treatment with four cycles and four replications (paddocks) per block, evaluating the interaction and between treatment cycles. For evaluation of animal performance was used completely randomized design with repeated measurements over time, with three treatments, four grazing cycles and eight repetitions (animals) per treatment, evaluating the interaction between treatments and cycles. The variables were subjected to analysis of variance at 5% significance by Student's t test. Higher doses of nitrogen did not affect the leaf elongation rate, leaf appearance rate, stem elongation rate, phyllochron and tiller population density (p>0.05), however, they suffered influence of grazing cycles (p<0.05), with the exception of phyllochron. With increasing N rate of 114.2 to 342.5 kg pre-grazing the leaf area index increased from 8.86 to 13.84 m2. The final length of the expanded sheets suffered increments of 9.6% with the highest dose (p<0.05). The higher dose of nitrogen increased the cultural growth rate (p<0.05) values of 254.74 and 188.41 kg/ha.day at higher and lower dose, respectively. The dry weight of the total forage, the leaf blades and pre-grazing green stem were affected with the dose of 342.5 kg/ha of N (p<0.05), increasing by 19.2; 20.7 and 32.6%, respectively, compared to lower doses. There was a decrease of NDF and ADF contents and increased BP (p<0.05) with increasing doses of 114.2 to 342.5 kg. The average daily gain of the animals was not affected by treatments (p>0.05), with an average of 0.470 kg/animal.day, however, the gain per area and the stocking rate were increased by the higher dose, particularly in two intermediate cycles (2 and 3), with average values of 5.51 and 6.38 kg/ha.day and stocking rate of 5.5 and 7.0 AU/ha in doses of 114.2 and 342,5kg nitrogen, respectively. The blood parameters were not affected by nitrogen levels (p>0.05). We conclude that in Mombaçagrass grazing the morphostructural characteristics related to leaf area index, final length of the leaves and cultural growth rate increase with the elevation of 114.2 doses of nitrogen to 342.5 kg/ha nitrogen. The dry weight of the total forage and its morphological components is increased with doses of 342.5 kg/ha of nitrogen. The use of higher nitrogen dose improves the nutritional quality of Mombasa, reducing NDF and ADF contents and increasing the crude protein fraction in dry matter. Increasing doses of 114.2 to 342.5 kg/ha of nitrogen does not improve the performance of individual animals, however, increases productivity per area.
URI: http://hdl.handle.net/11612/558
Appears in Collections:Mestrado em Ciência Animal Tropical

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rafael de Oliveira da Silva - Dissertação.pdf1.42 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.