Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/423
Author: Reyes, Irais Dolores Pascual
Advisor: Nascimento, Ildon Rodrigues do
Title: Caracterização fenotípica, capacidade combinatória e ação gênica em genótipos de maxixe
Keywords: Cucumis anguria L;Morfometria;Capacidade de combinação;Morphometry;Combining ability
Issue Date: 2-Aug-2016
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Produção Vegetal - PPGPV
Citation: REYES, Irais Dolores Pascual. Caracterização fenotípica, capacidade combinatória e ação gênica em genótipos de maxixe.2016.77f.Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Produção Vegetal, Gurupi, 2016.
Resumo: O maxixeiro (Cucumis anguria L.) é uma cultura de grande importância nas regiões Norte e Nordeste do Brasil. No entanto, a maior parte da produção brasileira desta hortaliça é obtida sem o uso de genótipos e tecnologias adequadas. Os objetivos desse trabalho foram: Fazer a caracterização fenotípica de acessos locais e comerciais de maxixe da região sul do Tocantins, avaliar sua capacidade de combinação e a ação gênica. O experimento foi conduzido em delineamento de blocos casualizados com três repetições. Os tratamentos foram nove genótipos de maxixe e suas combinações híbridas obtidas em cruzamento dialélico de acordo à metodologia proposta por Gardner e Eberhart, totalizando quarenta e cinco tratamentos. Foram coletados frutos de cultivos familiares na região sul do Tocantins e também foram adquiridos duas cultivares comerciais (Feltrin® e Topseed®), posteriormente foi multiplicado as sementes dos frutos do município de Gurupi e efetuados cruzamentos. Foram caracterizados nove genótipos com seleções de suas partes vegetativas e reprodutivas, assim como avaliarem sua ação gênica em relação às estimativas de efeitos de variedade e heterose e de seus híbridos. Avaliou-se a sua capacidade de combinação e as médias de variância dos frutos para diâmetro do fruto (mm), comprimento do fruto (mm), peso médio do fruto (g) e produtividade (tonha-1). A caracterização vegetativa dos genótipos mostrou uma leve separação entre os genótipos, principalmente nas características relacionadas ao tamanho foliar. Nas características reprodutivas, porém, não houve separação entre os genótipos e cultivares. Algumas características possuem correlação mais forte que outras, como o cultivar comercial Topseed®, que se distingue dos demais cultivares na PCA de caracteres vegetativos. No resumo de análises de variações nas características de diâmetro, comprimento, peso e firmeza do fruto foram identificados diferenças significativas, na característica de produtividade tivessem efeitos não significantes nas fontes de variações para variedade, heterose média e heterose de variedade. Na estimativa de efeito de variedade, as características diâmetro dos frutos (36,21); comprimento do fruto (45,29) e peso do fruto (32,86) o genótipo MAXGU#02 foi superior, e na característica firmeza do fruto (133,80 N) e produtividade (15,61) o genótipo MAXGU#01. Na estimativa de efeito de heterose de variedade as características de diâmetro do fruto (47,64); comprimento do fruto (80,43); peso médio dos frutos (40,18); firmeza do fruto (100,36) e produtividade (2,70) se destaca o genótipo MAXGU#03. Nas características diâmetro do fruto, comprimento do fruto e produtividade predomina os efeitos não aditivos. Nas caraterísticas peso do fruto e firmeza de polpa e casca foram efeitos aditivos, em seu desempenho “per se”.
Abstract: The gherkin (Cucumis anguria L.) is a culture of great importance of in the North and Northeast of Brazil. However, most of the Brazilian production of this vegetable is obtained without the use of genotypes and appropriate technologies. The objectives of this study were phenotypic characterization local and commercial access of gherkin in the southern region of Tocantins, assess their capacity for action and the combination of genes. The experiment was conducted in a delineation of block design with three replications. The treatments were nine genotypes of gherkin and hybrids obtained in diallel crossings according to the methodology proposed by Gardner and Eberhart, totaling forty-five treatments. Fruits were collected of home gardens in the southern region of the state of Tocantins and also two commercial crops (Feltrin® e Topseed®), subsequently were multiplied the seeds of the fruits of the municipality of Gurupi and were made crosses. Were characterized nine genotypes with selections of their vegetative and reproductive parts, also its gene action was evaluated in relation to the estimates of effects of variety and heterosis and hybrids capacity combination and average variance of the fruits were evaluated for fruit diameter (mm), fruit length (mm), average fruit weight (g) and productivity (tonha-1). The vegetative characterization of the genotypes showed a slight separation between the genotypes, mainly at the characters related to the leaf size. In the reproductive traits, however, there was no separation between genotypes and cultivars. Some characters have a stronger correlation than others, such as the commercial cultivar Topseed ®, which differs from the other cultivars in PCA of vegetative characters. In the summary analysis of variation in the characteristics of fruit diameter, fruit length, fruit weight and fruit firmness were identified significant differences, whereas the characteristic productivity hadn't significant effects on the sources of variety, average heterosis and heterosis of variety. In the estimation of the effect of variety, diameter characteristics of the fruits (36.21); fruit length (45,29) and fruit weight (32,86) MAXGU#02 genotype was higher, and the feature of fruit firmness (133,80) and productivity (15,61) was the genotype MAXGU#01. The estimation of heterosis effect of variety, the characteristics fruit diameter (47,64); fruit length (80,43), average fruit weight (40.18), fruit firmness (100,36) and productivity (2,70) highlights the MAXGU#03 genotype. In the characteristics diameter, length and average weight of the fruits, additive effects predominated in their performance "per se". For firmness of pulp and peel and productivity predominate not additive effects.
URI: http://hdl.handle.net/11612/423
Appears in Collections:Mestrado em Produção Vegetal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Irais Dolores Pascual Reyes - Dissertação.pdf4.99 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.