Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/367
Author: Silva, Daniella Gonçalves da
Advisor: Sarmento, Renato de Almeida
Title: Efeito do fungo Trichoderma harzianum e do zinco em colônias de Atta sexdens
Keywords: Encapsulados;Sulfato de zinco;Hemócitos;Sistema imune;Encapsulated;Zinc sulfate;Hemocytes;Imune system
Issue Date: 11-Aug-2016
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais e Ambientais - PPGCFA
Citation: SILVA, Daniella Gonçalves da. Efeito do fungo Trichoderma harzianum e do zinco em colônias de Atta sexdens. 2016.67f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais e Ambientais, Gurupi, 2016.
Resumo: As formigas-cortadeiras do gênero Atta são apontadas como os principais herbívoros da região Neotropical, sendo capazes de causar grandes danos à agricultura, às pastagens e à silvicultura em especial. No controle químico dessa praga, a tática mais usual e efetiva tem sido o uso de iscas granuladas tóxicas. Todavia, têm-se procurado métodos alternativos para o controle de cortadeiras, sobretudo por pressão de agências certificadoras de manejo florestal como o FSC (Forest Standarship Council). Recentemente, isolados de Trichoderma spp. começaram a ser testados no controle de formigas-cortadeiras em razão das suas propriedades antagonísticas ao fungo simbionte por elas cultivados. Além disso, destacam-se substâncias que têm o potencial de inibir a resposta imune inata dos insetos. Por exemplo, alguns elementos químicos como, cádmio e zinco. O presente trabalho objetivou o preparo de uma formulação com iscas granuladas e encapsuladas do fungo Trichoderma harzianum. Para encapsulação do fungo, utilizou-se uma mistura de alginato de sódio, farelo de trigo, suco concentrado de laranja e micélio triturado do antagonista. Esta mistura foi gotejada em solução (0,25 M) de CaCl2, o que permitiu a formação de grânulos esféricos de diâmetro regular. Paralelamente testou-se iscas contendo sulfato de zinco ZnSO4 (0,25 g/L), produzidas a partir da mistura de alginato, farelo de trigo e suco concentrado de laranja. Após o fornecimento das iscas fez-se a contagem total de hemócitos das operárias a fim de verificar alterações da sua resposta imune. Não ocorreu declínio na quantidade de hemócitos. Apesar das iscas não terem promovido a morte das colônias, elas apresentaram boa aceitação pelas operárias e promoveram a redução do volume do fungo simbionte. O cloreto e o sulfato de zinco foram empregados nas concentrações de 0,15; 0,25; 0,5; 1,5; 2;5 e 5;0 g/L em placas de Petri em meio BDA para o teste de desenvolvimento dos fungos simbionte e antagonista, e os resultados mostraram inibição no crescimento nas doses máximas tanto em Leucoagaricus gongylophorus como em Trichoderma harzianum. As operárias foram imersas em soluções de sulfato de zinco com as mesmas concentrações daquelas empregadas no teste de inibição dos fungos. Após o tempo de 24 e 48 horas fez-se a contagem total de hemócitos e verificou-se um decréscimo dos mesmos em altas concentrações. Conclui-se que as iscas contendo T. harzianum e sulfato de zinco apresentaram boa aceitação por parte das colônias, elas não promoveram a morte das colônias, no entanto, reduziram o volume do fungo simbionte. Altas doses de cloreto e sulfato de zinco inibem o desenvolvimento do fungo antagonista e do fungo simbionte e elevadas concentrações zinco e o maior tempo de exposição das operárias ao mesmo afetam o seu sistema imune.
Abstract: The leaf-cutting ants of the genus Atta are cited as the main herbivores of the Neotropical region, being capable of causing major damage to agriculture, pasture and forestry in particular. In the chemical control of this plague, the most common and effective tactic has been the use of toxic granular baits. However, there have been alternative methods for control of cutting, especially by pressure certifying agencies forest management as the FSC (Forest Standarship Council). Recently, Trichoderma spp. They began to be tested in the control of leaf-cutting ants because of their antagonistic properties to the symbiotic fungus cultivated by them. Furthermore, they highlight substances that have the potential of inhibiting the innate immune response of the insects. For example, some chemical elements such as cadmium and zinc. This study aimed to the preparation of a formulation with granulated baits and encapsulated fungus Trichoderma harzianum. For encapsulation fungus, a mixture of sodium alginate was used wheat bran, concentrated orange juice and triturated antagonist mycelium. This mixture was dripped into solution (0,25 M) CaCl2, which allowed the formation of spherical granules of regular diameter. Parallel tested for baits containing zinc sulfate ZnSO4 (0,25 g/L) produced from the mixture of alginate, wheat bran and concentrated orange juice. After the supply of baits made up the total count of hemocytes of the workers in order to verify changes in their immune response. There was no decline in the amount of hemocytes. Despite the baits have not promoted the death of the colonies, they had good acceptance by workers and promoted the reduction of the symbiont fungus volume. Chloride and zinc sulfate were used in concentrations of 0.15; 0.25; 0.5; 1.5; 2, 5 and 5; 0 g /L in Petri dishes on PDA medium for the development and test of antagonist symbiont fungi, and the results showed growth inhibition in both maximal doses Leucoagaricus gongylophorus as Trichoderma harzianum. The ants were dipped in zinc sulfate solutions with the same concentrations of those employed in the fungal inhibition assay. After time 24 and 48 hours we made the total hemocytes count and there was a decrease in high concentrations thereof. We conclude that the baits containing T. harzianum and zinc sulfate showed good acceptance by the colonies, they did not promote the death of the colonies, however, reduced the volume of the symbiont fungus. High doses of zinc chloride and sulfate inhibit the development of the antagonist fungus and symbiont fungus and high concentrations of zinc and the longer exposure time of workers at the same affect your immune system.
URI: http://hdl.handle.net/11612/367
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniella Gonçalves da Silva - Dissertação.pdf879.28 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.