Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/366
Author: Silva, Juliane Gomes da
Advisor: Souza, Priscila Bezerra de
Title: Armazenabilidade de pirênios de Byrsonima Crassifolia (l.) Kunt muricizeiro, em função de diferentes metódos de superacão de dormência
Keywords: Teor de umidade;Armazenamento;Métodos de superação da dormência;Porcentagem de germinação;Índice de velocidade de germinação;Moisture content;Storage;Methods for overcoming of dormancy;Germination percentage and germination speed
Issue Date: 5-Aug-2016
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais e Ambientais - PPGCFA
Citation: SILVA, Juliane Gomes da. Armazenabilidade de pirênios de Byrsonima Crassifolia (l.) Kunt muricizeiro, em função de diferentes metódos de superacão de dormência. 2016.59f. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais e Ambientais, Gurupi, 2016.
Resumo: O muricizeiro como popularmente é conhecido, pertence a família Malpighiaceae, gênero Byrsonima e mais especificadamente a espécie crassifolia L. Rich, nativa do bioma Cerrado, com principal dispersão na Amazônia e ampla distribuição geográfica. A utilização de métodos rápidos e eficientes para a determinação da umidade de sementes pode auxiliar na preservação de espécies florestais, já que a umidade é um dos fatores que mais influenciam no processo de deterioração das sementes florestais. Objetivou-se determinar o grau de umidade presente nos pirênios de Byrsonima crassifolia e avaliar a germinação dos pirênios durante o armazenamento. Os frutos foram coletados no Reassentamento Mariana-Palmas-TO. Os frutos passaram por processo de beneficiamentos, onde foi removida a polpa dos frutos, seguida da desidratação dos pirênios, que foi realizada em três etapas: primeira o teste de umidade inicial dos pirênios, logo após o beneficiamento utilizando o método da estufa a 105 ± 3ºC, por 24 horas, com cinco repetições e recipientes contendo 5 gramas de pirênios. Segunda etapa, o método de secagem intermitente de todos os pirênios do trabalho, na estufa a 40ºC por 30 minutos até estabilizar o peso, sendo repetida por 16 vezes. Por fim a determinação do grau de umidade final, pelo método da estufa a 105 ± 3ºC, por 24 horas, com cinco repetições e recipientes contendo 5 gramas de pirênios secos. A umidade inicial dos pirênios de Byrsonima crassifolia foi de 49,71% e a umidade final de 6,3%, dessa forma pode-se inferir que os pirênios estão adequados para o armazenamento e/ou submissão a testes de germinação. Posterior ao teste de umidade foi realizado o teste de germinação com os pirênios de Byrsonima crassifolia, considerando o tempo de armazenamento de 0,60,120 e 180 dias e os métodos superação da dormência, sendo: escarificação química com ácido sulfúrico (H2SO4) concentrado por 20 e 40 minutos; ácido giberélico na concentração 500mg L-1 (GA3) por 24 e 48 horas; escarificação mecânica com lixa número 80 por 30 segundos; lixa número 80 por 30 segundos mais imersão em água por 24 e 48 horas respectivamente e o Testemunha. Foi avaliado a porcentagem de germinação (%G) e índice de velocidade de germinação (IVG) dos pirênios de Byrsonima crassifolia, em cada período de semeadura. Byrsonima crassifolia, apresentou melhores resultados aos 120 dias de armazenamento e os métodos mais eficientes foram na escarificação química, resultados superiores foram evidenciados com H2SO4 40 minutos e GA3 48 horas, porém o armazenamento e todos os métodos de superação da dormência apresentaram resultados, o mais satisfatório, portanto foi aos 120 dias.
Abstract: The use of fast and efficient methods for determining seed moisture can help in the preservation of forest species, because moisture is one of the factors that most influence on the deterioration of forest seeds. The objective is to investigate whether the moisture content can influence the storage and/or submission to germination tests, also to test the mechanisms of dormancy, duration and efficient methods that facilitate the germination in species of pyrenes. The experiment was conducted in three stages: first stage was tested the method of stove at 105 ± 3 °C for 24 hours, with five repetitions and containers with 5 grams of wet seeds. Second stage, the method of intermittent drying in the stove at 40 °C for 30 minutes until stabilize the weight, repeated by 15 times. Third stage method of stove at 105 ± 3 °C for 24 hours, with five repetitions and containers with 5 grams of dried seeds. Byrsonima crassifolia presents characteristics of orthodox species, with high humidity after the beneficiation, but to be subjected to drying procedures reached low water levels, however, remained within normal limits. The wet basis of the pyrenes of Byrsonima crassifolia found was of 49.71% of moisture and in the dry basis reached 6.3% of moisture, this way can be inferred that the seeds tested are suitable for storage and / or submission to germination tests. After the humidity test was conducted the germination test with the pyrenes of Byrsonima crassifolia, considering the storage time of 0, 60, 120 and 180 days and the methods of overcoming dormancy, being: chemical scarification with sulfuric acid (H2SO4 ) concentrated by 20 and 40 minutes; gibberellic acid concentration 500mg L-1 (GA3) for 24 and 48 hours; mechanical scarification with sandpaper number 80 for 30 seconds; sandpaper number 80 for 30 seconds more immersion in water for 24 and 48 hours respectively and the control. The objective is to evaluate the germination percentage (% G) and germination speed index (GSI) of pyrenes of Byrsonima crassifolia, in each planting period. Byrsonima crassifolia, has better results at 120 days of storage and the most efficient methods were chemical scarification, superior results were evidenced with H2SO4 40 minutes GA3 48 hours, however the storage and all methods of overcoming dormancy presented results, the most satisfactory was to the 120 days.
URI: http://hdl.handle.net/11612/366
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Florestais e Ambientais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Juliane Gomes da Silva - Dissertação.pdf1.68 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.