Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/3110
Authors: Silva, Gabriela Messias
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Jemima Queiroz da
Title: Adolescer em corpo, mente e afeto: um estudo sobre desenvolvimento de valores e atitudes a partir do ensino de ciências
Keywords: adolescência;corpo;afeto;fonte segura;escola;adolescence;body;affection;secure Source;school
Issue Date: 20-Sep-2021
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Citation: SILVA, Gabriela Messias. Adolescer em corpo, mente e afeto: um estudo sobre desenvolvimento de valores e atitudes a partir do ensino de ciências. 2019. 37 f. TCC (Graduação) - Curso de Ciências Biológicas - Licenciatura, Universidade Federal do Tocantins, Porto Nacional, 2019.
metadata.dc.description.resumo: A pesquisa teve por objetivo analisar os alcances das ações e práticas no Ensino de Ciências na promoção de conhecimentos, valores e atitudes na adolescência a partir do conteúdo da fala de estudantes do 9º Ano. Para isso utilizou-se como método de coleta de dados, o Grupo Focal e como instrumento de análise, a Análise do Conteúdo de Bardin. Emergiram três categorias: na primeira, o fator gênero é tomado como referência para indicar as variações de autoimagem e autovalor atribuídos a si mesmos pelos adolescentes; na segunda, autoavaliação da aparência física está relacionada aos padrões culturais de beleza e de ideal do corpo, recaindo sobre os valores e julgamentos sobre si, potencializando sentimentos de inadequação pela não correspondência as expectativas do modelo predominante; e a terceira, assinala a ausência de uma fonte segura na escola para tomada de decisões. A pesquisa concluiu que a escola não é um lugar de fala para o adolescente, por tratar de temas ligados a adolescência com impessoalidade, centrando-se no viés biológico da puberdade e negligenciando as questões psicossociais, emocionais e culturais que o adolescer demanda.
Abstract: The research aimed to analyze the reach of actions and practices in Science Teaching in the knowledge promotion, values and attitudes in adolescence based on the content of speech of 9th grade students. Therefore it was used a Focus Group as data collection method and the Bardin Content Analysis as an analysis tool. Three categories arose: on the first one, the gender factor is taken as a reference to indicate the self image and self worth variations attributed to themselves; on the second one, the physical self-assessment is related to beauty and ideal body cultural standards, relapsing on values and judgments about themselves, increasing inadequacy feelings for do not correspond the predominant body model expectations; and the third one, signalizes the absence of a safe source at school for decision making. This research concluded that school is not a place of speech for adolescents, because it deals with adolescents issues with impersonality, focusing on puberty biological side and overlooking the psychosocial, emotional and cultural questions that adolescents requires.
URI: http://hdl.handle.net/11612/3110
Appears in Collections:Ciências Biológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Gabriela Messias Silva - Artigo.pdf720.82 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.