Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/264
Author: Bolwerk, Diógenes Alencar
Advisor: Santos, Roberto de Souza
Title: A (re)produção do espaço/Tocantins no contexto regional
Keywords: (Re)produção;Capitalismo;Tocantins;Desenvolvimento econômico;Transporte multimodal;Cidade-Fluxo
Issue Date: 30-Sep-2014
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Geografia - PPGG
Citation: BOLWERK, Diógenes Alencar. A (re)produção do espaço/Tocantins no contexto regional. 2014. 206f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Geografia, Porto Nacional, 2014.
Resumo: Este trabalho fez uma discussão sobre a produção e reprodução do espaço tocantinense no contexto regional. Sendo assim, o debate procurou empenhar-se na organização dos conceitos e teorias que alimentaram a temática regional, capitalismo, transporte, circulação e logística. A dissertação procurou dialogar com os autores regionais no que diz respeito às questões da Região Amazônica, do Tocantins, do transporte multimodal de cargas e de Palmas-TO dentro do contexto do desenvolvimento capitalista regional. O método adotado foi o materialismo histórico dialético que procurou investigar a realidade, por meio da dialética dos contrários para atingir a totalidade do espaço de maneira ambivalente, complementar e complexa. A abordagem foi qualitativa na construção das entrevistas estruturadas que foram realizadas com os sujeitos sociais. O trabalho ficou estruturado em três capítulos assim, distribuídos. O primeiro capítulo abordou a produção e reprodução do espaço do Tocantins no contexto da Amazônia, apresentando os conceitos de região, como também a discussão dos autores regionais sobre a Amazônia tocantinense e a capital Palmas. O segundo capítulo discutiu a reforma do Estado brasileiro, a crítica feita da teoria dos polos de crescimento e quando o planejamento regional analisou somente o plano econômico. O terceiro capítulo trabalhou a gestão dos transportes de cargas, a rodovia e a ferrovia, no contexto do Tocantins, os níveis de diferenciação e homogeneização da região, a tecnificação que propiciou a modernização da região, ou seja, o adensamento do capitalismo na região. A configuração da formação socioespacial de Palmas diante do contexto estadual e regional, culminado à cidade-fluxo. As discussões teóricas permitiram considerar três postos-chaves: uma abordagem na formação socioespacial da região com o entendimento do ciclo de produção e reprodução do capitalismo; um entendimento nas estratégias da teoria regulatória da economia para gerir a gestão da região; e por fim os circuitos econômicos e o debate regional.
Abstract: This worked had a discussion about the production and reproduction of space Tocantins in its regional context. Thus, the debate sought to engage in the organization of the concepts and theories that fueled the regional theme, capitalism, transportation, distribution and logistics. The dissertation attempted to dialogue with regional authors with regard to the issues of the Amazon region, Tocantins, multimodal freight transportation and Palmas-TO within the context of regional capitalist development. The method adopted was dialectical historical materialism that sought to explore reality through the dialectic of opposites to achieve the full space of ambivalent and complex complementary way. The approach was qualitative in the construction of structured interviews that were conducted with social subjects. The work was structured in three chapters thus distributed. The first chapter covered the production and reproduction of space in the context of the Tocantins Amazon, presenting the concepts of region, as well as the discussion of regional authors on Amazon and the Tocantins capital Palmas. The second chapter discussed the reform of the Brazilian state, a critique of the theory of growth poles and when the regional planning only analyzed the economic plan. The third chapter worked the management of freight transportation, the highway and the railroad, in the context of Tocantins, the levels of differentiation and homogenization of the region, technicization that promoted the modernization of the region, the density of capitalism in the region. The configuration of socio-spatial formation Palmas on the state and regional context, culminated the city-flow. Theoretical discussions permitted to consider three key positions: an approach in socio-formation region with the understanding of the production and reproduction cycle of capitalism; an understanding of the strategies of regulatory economics theory to manage the management of the region; and finally the economic circuits and the regional debate.
URI: http://hdl.handle.net/11612/264
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diógenes Alencar Bolwerk - Dissertação.pdf4.31 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.