Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/263
Author: Marcilio Junior, Ricardo Tadeu
Advisor: Balsan, Rosane
Title: Palmas para além do Plano Diretor: diálogos entre o planejamento urbano e a produção do espaço urbano
Keywords: Produção do espaço urbano;Planejamento excludente;Franja urbano-rural norte
Issue Date: 22-Jun-2016
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Geografia - PPGG
Citation: MARCILIO JUNIOR, Ricardo Tadeu. Palmas para além do Plano Diretor: diálogos entre o planejamento urbano e a produção do espaço urbano. 2016. 82f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Geografia, Porto Nacional, 2016.
Resumo: A pesquisa teve como objetivo principal analisar o processo de reprodução do espaço urbano da Franja Urbana-Rural Norte do plano urbanístico da cidade de Palmas-TO, para alcançar os objetivos propostos neste estudo, utilizou-se de abordagem empírico e conceitual. Tendo como objeto de análise o Plano Diretor Participativo de Palmas(2007), no que tange as suas leis que regulamentaram a Área de Urbanização de Interesse Turístico (AUIT). Foi feito uma caracterização socioeconômica da Franja no intuito de verificar as desigualdades socioespaciais dessa área em relação ao município. Sendo verificado que os loteamentos possuem características desiguais, em comparação as áreas que estão inseridas no PDPP. Desta forma as desigualdades territoriais condicionadas pelo planejamento excludente provocam nas cidades uma série de problemas urbanísticos. A pesquisa revela que o Estado teve papel significativo na segregação urbana em áreas eRsepseocrtif icPaosli ndéas ciaid aed eC,a criobme os aã of racnojnas uidrebraandao-sru rloatl enaomrteen, tsoesn dreog quulaer eoss ecnoqnudaonmtoín iooss assentamentos Fumaça e Shalon não o são; planejamento, caracterizado como excludente, contribui para o empoderamento de empreendimentos imobiliários como condomínios fechados, se tornando porta de entrada para o capital especulativo imobiliário, desta forma, produzindo contradições, inscritas nos assentamentos irregulares Fumaça e Shalon da Área de Urbanização de Interesse Turístico da Franja urbana-rural norte da cidade.
Abstract: The research aimed to analyze the process of reproduction of the urban space of the Fringe Urban-Rural North urban plan of the city of Palmas-TO, to achieve the objectives proposed in this study, we used empirical and conceptual approach. With the object of analysis Participatory Master Plan of Palmas (2007), regarding its laws that regulated the Tourist Interest Urbanization Area (AUIT). A socio-economic characterization of the Fringe in order to verify the socio-spatial inequalities that area in relation to the municipality was made. It is verified that the developers have dissimilar characteristics, compared areas that are inserted in PDpp. Thus territorial inequality conditioned by exclusionary planning in cities cause a range of urban problems. The survey reveals that the state had a significant role in urban segregation in specific areas of the city as the northern urban-rural fringe, and the Caribbean and Polynesia Resort condominiums are considered as regular allotments settlements Smoke and Shalon are not; planning, characterized as exclusionary, contributes to the empowerment of real estate projects such as condominiums, becoming the gateway to the real estate speculative capital, thus producing contradictions inscribed in irregular settlements Smoke and Shalon Fringe of Tourist Interest Urbanization Area north urban-rural city.
URI: http://hdl.handle.net/11612/263
Appears in Collections:Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ricardo Tadeu Marcilio Júnior - Dissertação.pdf14.76 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.