Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/197
Author: Mendes, Soraya Helena de Araújo
Advisor: Parente, Temis Gomes
Title: (In)visibilidade das mulheres na pesca artesanal: uma análise sobre as questões de gênero na colônia de pescadores e pescadoras z-16 em Miracema do Tocantins/TO
Keywords: Gênero;(In)visibilidade;Pesca artesanal
Issue Date: 4-Mar-2016
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional - PPGDR
Citation: MENDES, Soraya Helena de Araújo. (In)visibilidade das mulheres na pesca artesanal: uma análise sobre as questões de gênero na colônia de pescadores e pescadoras z-16 em Miracema do Tocantins/TO. 2016. 81f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional, Palmas, 2016.
Resumo: Esta pesquisa teve como objetivo analisar a (in)visibilidade das atividades pesqueiras realizadas pelas pescadoras associadas à Colônia de Pescadores Profissionais Artesanais Z-16 de Miracema do Tocantins e Tocantínia – COPEMITO. O termo (in)visibilidade foi uma definição utilizada pela autora da pesquisa em questão pelo fato de evidenciar que as atividades pesqueiras que as mulheres realizam são (in)visíveis tanto para elas quanto para os outros. Neste sentido, este estudo buscou dar visibilidade a estas atividades, que são (in)visíveis devido às questões de gênero, uma vez que estas atuam como um marcador cultural no processo de construção e reprodução social dos sujeitos. Pretendemos identificar e refletir sobre os lugares de gênero que as pescadoras ocupam, e se esses legitimam as desigualdades entre homens e mulheres no universo da pesca artesanal. A metodologia adotada na pesquisa foi de cunho qualitativo com a utilização da história oral. Os dados obtidos foram interpretados com base na perspectiva de gênero, compreendido neste estudo como a primeira maneira de construir as relações sociais de poder e subordinação entre homens e mulheres, cuja fundamentação teórica baseou-se nos estudos empreendidos por SCOTT (1990, 2012). Com base nisto, os resultados desta pesquisa apontam que as pescadoras da COPEMITO realizam todas as atividades que constituem a pesca profissional artesanal, desde a confecção dos apetrechos de pesca até o beneficiamento do pescado, portanto, são visíveis. No entanto, existem diferenças entre as mulheres que vivem com companheiro das que são solteiras, pois as primeiras concebem suas atividades como “ajuda” e as últimas se consideram participantes diretas na atividade, o que legitima a existência de desigualdades de gênero no setor pesqueiro. Os dados também possibilitaram perceber que, as mulheres necessitam de uma maior articulação junto aos movimentos de organização social da categoria. Nesta perspectiva, inferimos que se faz necessário à consolidação de políticas públicas que contemplem as pescadoras e que viabilizem o acesso destas aos seus direitos sociais, previdenciários e trabalhistas.
Abstract: This research aimed to analyze (in)visibility of fishing activities carried out by fishers associated with Cologne Fishermen Craft Professionals Z-16 Miracema do Tocantins in Tocantínia – COPEMITO. The term (in)visibility was one definition used by the research author in question, because of evidence that the fishing activities that women do are (invisible both for them and for the others. In this sense, this study sought to give visibility, these activities, which are (in) visible due to gender, since these act as a marker cultural in the process of construction and social reproduction of subjects. We intend to identify and reflect on the kind of places and if these legitimize inequalities between men and women in the artisanal fishing universe. The methodology dopted in the study was qualitative nature the use of oral history. The data were interpreted based on gender perspective, understood in this study as the first way of constructing the social relations of power and subordination between men and women, whose foundation heory is based on studies undertaken by Scott (1990, 2012). Based on this, the, results of this research show the fishers of COPEMITO perform all, activities that constitute professional artisanal fishing, from the making of fishing tackle to the fish processing are therefore visible. However, there are diferences among women living with partner, of which are single, since the first, ince the first conceive their activities as "help" and the latter consider direct participants in activity, which legitimizes the existence of gender inequalities in the fisheries sector. The data allows also realize hat women need greater coordination along with the social organization of movements category. In this perspective, we infer that it is necessary for the consolidation of public policies that include the fishers and rovide access to this their social, social security and labor rights.
URI: http://hdl.handle.net/11612/197
Appears in Collections:Mestrado em Desenvolvimento Regional

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Soraya Helena de Araújo Mendes - Dissertação.pdf1.71 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.