Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/146
Author: Oliveira, Bruna de
Advisor: Pedroza Filho, Manoel Xavier
Title: Análise de cadeia global de valor e risco na piscicultura no Tocantins
Keywords: Cadeia produtiva;Piscicultura;Análise de risco;Tocantins
Issue Date: 3-Mar-2015
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
Program: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional - PPGDR
Citation: OLIVEIRA, Bruna de. Análise de cadeia global de valor e risco na piscicultura no Tocantins. 2015. 106f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional, Palmas, 2015.
Resumo: A atividade piscícola é caracterizada pelo cultivo de peixes em cativeiro. Indicada como forma de aproveitamento dos recursos hídricos brasileiros, este ramo da aquicultura se apresenta também como alternativa para atender a crescente demanda por proteína animal. No Tocantins, a piscicultura é avistada como caminho propulsor para o crescimento econômico do estado. A escassez de informações relativas a este setor para auxiliar a elaboração de políticas públicas específicas assim como para proporcionar uma análise conjuntural estimulou a elaboração deste trabalho, que está dividido em duas etapas. A primeira, de natureza qualitativa baseia-se em dados secundários fornecidos pela Embrapa Pesca e Aquicultura e identifica o modo de organização da cadeia da piscicultura no Tocantins. A segunda etapa, de natureza quantitativa, partiu das informações coletadas a partir de uma amostra orientada de produtores e avaliou a viabilidade econômica e financeira de uma piscicultura modal de tambaqui em viveiros escavados com 50.000 metros quadrados. Esta avaliação foi complementada pela simulação de Monte Carlo para identificação dos principais fatores de risco que influenciam os retornos econômicos do investimento. Os resultados da primeira etapa revelaram, a partir da ótica da teoria de Cadeia Global de Valor, que existem diversos entraves estruturais que dificultam a expansão da cadeia como: morosidade na concessão de licenças ambientais, difícil acesso ao crédito e grandes distância percorridas entre fornecedores e produtores que elevam os custos produtivos. Na segunda etapa, observou-se a partir da análise determinística dos indicadores VPL e TIR que o investimento na produção de tambaqui em viveiro escavado no Tocantins é atraente do ponto de vista econômico e financeiro. No entanto, com a introdução da avaliação de risco, constatou-se que o projeto de investimento analisado é sensível às variáveis “preço recebido pelo pescado (por quilo)” e “preço médio da ração (saco 25 kg)”. Oscilações em tais variáveis impactam diretamente nos retornos do investimento, que em determinadas situações hipotéticas podem tornar o empreendimento inviável.
Abstract: Fish farming is characterized by cultivation in captivity. Indicated as a way for use of Brazilian water resources, the aquaculture industry is also seen as an alternative to meet the growing demand for animal protein. In Tocantins, the fish farming is expected to be a potential alternative for the economic growth of the region. The lack of information related to this sector, in order to assist the formulation of public policies as well as to provide a situational analysis, stimulated the development of this work, which is divided into two parts. The first one, which has a qualitative nature, is based on data secondary provided by Embrapa Fisheries and Aquaculture and identifies the organizational processes of the fish farming value chain in Tocantins. The second part, quantitative, used information collected from an oriented sample of producers and has evaluated the economic and financial viability of a modal fish farm of tambaqui production in earthen ponds with 50,000 square meters. This evaluation was complemented with the identification of the main risk factors that influence the economic returns on investment by Monte Carlo simulation. The results of the first part showed, from the perspective of Global Value Chain theory, that there are many structural barriers that hinder the expansion of the chain as: delays in environmental licensing, difficult access to financing and long distance traveled between input suppliers and producers which raises the production costs. In the second stage, the deterministic analysis of NPV and IRR indicators indicated that the investment in the production of tambaqui in Tocantins is attractive from an economic and financial point of view. However, from the perspective of risk assessment it was found that the investment project is sensitive to variables "price received by the fish (per kilo)" and "average price of feed (25 kg bag)." Fluctuations in these variables have a direct impact on investment returns, which in certain hypothetical situations can make the investment inviable
URI: http://hdl.handle.net/11612/146
Appears in Collections:Mestrado em Desenvolvimento Regional

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Bruna de Oliveira - Dissertação.pdf1.79 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.