Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11612/1035
Authors: Silva, Liliane Flávia Guimarães da
metadata.dc.contributor.advisor: Souza, Lucas Barbosa e
Title: Percepção climática e conforto térmico: contribuição ao estudo interdisciplinar dos aspectos objetivos e subjetivos do clima em Palmas, TO
Keywords: dinâmica climática; Análise rítmica; Índices de conforto térmico; Método fenomenológico; Abordagem interdisciplinar; climate dynamics; Rhythmic analysis; Thermal comfort indices; Phenomenological method; Interdisciplinary approach
Issue Date: 28-Sep-2018
Publisher: Universidade Federal do Tocantins
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente - Ciamb
Citation: SILVA, Liliane Flávia Guimarães da. Percepção climática e conforto térmico: contribuição ao estudo interdisciplinar dos aspectos objetivos e subjetivos do clima em Palmas, TO.2018. 550f. Tese (Doutorado em Ciências do Ambiente) – Universidade Federal do Tocantins, Programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente, Palmas, 2018.
metadata.dc.description.resumo: A pesquisa tem como objeto de investigação a percepção climática, inserido o conceito de clima caracterizado como o ritmo de atuação dos tipos de tempo, e o conforto térmico. Os estudos mais conhecidos em conforto térmico quantificam os efeitos físicos e fisiológicos da ambiência atmosférica nas pessoas, baseados em índices, deixando lacunas no conhecimento tanto da dinâmica do clima, na qual se inserem as variáveis ambientais, como na subjetividade do fenômeno para o entendimento dessa realidade. Considerando essa problemática, a presente pesquisa questiona a insuficiência dos referidos índices por um viés exclusivamente positivista para o entendimento da percepção climática e do conforto térmico, especialmente em climas quentes como o de Palmas, Tocantins. No intuito de conhecer as essências do clima e do conforto térmico enquanto fenômenos vividos, a tese tem como objetivo contribuir com o entendimento de tais temas de forma interdisciplinar, enfocando de modo complementar seus aspectos objetivos e subjetivos. Para isso, a metodologia adotada compreendeu quatro etapas: (1) a análise rítmica anual em dois anos-padrão selecionados, um de padrão confortável e um de padrão desconfortável, 1997 e 2013, respectivamente, em conjunção com o Discomfort Index (DIT), proposto por Thom (1959); (2) a análise rítmica episódica, abarcando três episódios entre os anos 2015 e 2016, em conjunção com os índices de conforto PET e UTCI, aplicada em área externa na cidade; (3) a avaliação quali-quantitativa de dados pessoais dos moradores sobre sua percepção térmica, coletados por meio de questionários durante estes mesmos episódios; (4) e a análise dos dados subjetivos utilizando aplicação empírica do método fenomenológico, com as orientações operacionais de Giorgi (2012a). A tese procurou fornecer algumas contribuições metodológicas principais: um enfoque interdisciplinar da análise rítmica do clima (e do microclima medido in loco) com os índices de conforto térmico; uma abordagem interrelacional entre as análises climáticas e a percepção das pessoas sobre o clima e o conforto térmico, envolvendo seus aspectos objetivos e subjetivos; e o uso inédito de uma abordagem fenomenológica nos campos da climatologia e do conforto térmico. A dinâmica climática em Palmas demonstrou que a cidade apresenta altas temperaturas em todo o ano, com dois períodos distintos, chuvoso e seco, apresentando maior desconforto térmico na transição do período seco para o período chuvoso. Além disso, verificou-se que a cidade vem apresentando ampliação do desconforto térmico ao longo do período analisado (1995–2014). A avaliação quali-quantitativa apontou que as variáveis ligadas à experiência térmica, aos aspectos físico-fisiológicos e à experiência afetiva influenciaram na maioria das vezes parcialmente na percepção do conforto térmico das pessoas. A estrutura essencial revelada na análise fenomenológica demonstrou que o clima é somente mais um elemento em um vasto conjunto de aspectos naturais, sociais, econômicos, culturais etc., que interferem no bem-estar e na qualidade de vida dos sujeitos, e no seu conforto térmico, o que reforça a necessidade de uma abordagem menos parcial da realidade complexa da percepção climática.
Abstract: The research has as its aim to investigate the climate perception, introduced the concept of climate characterized as the rhythm of the performance of the types of weather and thermal comfort. The better known studies on thermal comfort quantify the physical and physiological effects of the atmospheric ambience on people, based on indices, leaving gaps on the knowledge both in the climate dynamics, in which the environmental variables are inserted and in the phenomenon subjectivity for the understanding of this reality. Considering that issue, the present research enquires the insufficiency of the referred indices via an exclusively positivist bias for the comprehension of the climate perception and the thermal comfort, especially in warm climates like the one of Palmas, Tocantins, Brazil. With the purpose of learning about the essences of the climate and thermal comfort as lived phenomena, the thesis aims to contribute with the mastery of those themes in an interdisciplinary way, focusing their objective and subjective aspects in a complementary manner. To accomplish that, the method used complied four phases: (1) the annual rhythmic analysis in two selected standard-years, one of comfortable standard and one of uncomfortable standard, 1997 and 2013, respectively, in conjunction with the Discomfort Index (DIT), proposed by Thom (1959); (2) the episodic rhythmic analysis, involving three episodes within the years 2015 and 2016, in conjunction with the PET and UTCI comfort indices, applied in outer area of the city; (3) the quali-quantitative evaluation of personal data of the residents about their thermal perception, collected through questionnaires during those same episodes; (4) and the analysis of the subjective data utilizing empiric application of the phenomenological method, with the operational orientations of Giorgi (2012a). The thesis sought to provide some main methodological contributions: an interdisciplinary approach of the climate rhythmic analysis (and the microclimate measured in loco) with the thermal comfort indices; a inter-relational approach between the climate analyses and the people’s perception on the climate and thermal comfort, comprising their objective and subjective aspects; and the unprecedented use of a phenomenological focus on the climatology and thermal comfort. The climate dynamics in Palmas demonstrated that the city renders high temperatures throughout the year, with two distinct periods, rainy and dry, presenting greater thermal discomfort in the transition from the dry season to the rainy one. Furthermore, it was verified that the city has been presenting an expansion of the thermal comfort along the analyzed period (1995–2014). The quali-quantitative assessment pointed out that the variables linked to the thermal experience, to the physical-physiological aspects and to the affective experience most of the time influenced partially on the people’s thermal comfort perception. The essential structure unveiled in the phenomenological analysis showed that the climate is only one more element in a vast assembly of natural, social, economic and cultural aspects, which interfere on the well-being and the quality of life of the subjects and on their thermal comfort, what enhances the need of a less partial approach of the complex reality of the climate perception.
URI: http://hdl.handle.net/11612/1035
Appears in Collections:Doutorado em Ciências do Ambiente

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Liliane Flávia Guimarães da Silva - Tese.pdf29.06 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.